naoquerofalardesexo
Maria Nicanor

misfit toy

01.11 02.11 03.11 04.11 05.11 06.11 10.11 11.11 12.11 01.12 02.12 03.12 04.12 05.12 06.12 07.12 10.12 11.12 12.12 01.13 02.13 03.13 04.13 05.13 06.13 07.13 08.13 09.13 10.13 11.13 12.13 01.14 02.14 03.14 05.14 03.17

Follow Me
Facebook
Twitter

18 abril 2011


Naquele dia, depois de te levar a "casa" ficamos a conversar e esclarecemos tudo. Falamos de coisas que pensei que nunca falaríamos, falamos dela, falamos do que estávamos a sentir em relação à sua morte, recordamos momentos..
Lembraste-te de quando ela ligou a música na rua, quando estávamos todos à beira da escola, e tu começaste a dançar comigo. Essa foi a primeira vez em que pensei que, talvez tu não fosses assim tão arrogante e parvo. Lembraste-te de que ela começou a cantar a música aos berros e que tivemos de fazer uma intervenção antes que toda a gente ficasse pasmada a olhar, mas ela era teimosa e veio a cantar o tempo inteiro até chegarmos a casa. Ela cantava tão mal que até doía, mas mesmo assim não se importava.
Enquanto me contavas isto agarraste-me na mão e disseste:
"Tu não reparaste, mas ela distorceu a letra da música enquanto cantava a Superhuman. Ela disse: But in this moment I believe, you will fall for each other eventually. Ela gostava de ter razão, e tinha."
9 ♣


/